Rádio Difusora

(45) 9-9841-0044
27/02/2018 10:26 | Autor: Editor

Operação da PF dificulta ‘plano B’ do PT ao Planalto

Foto:Reuters
Apontado como plano B do PT, na hipótese de impedimento do registro de candidatura de Lula, o ex-governador da Bahia Jaques Wagner foi indiciado ontem pela Polícia Federal por suspeita de ter recebido 82 milhões de reais em propina e caixa 2 para campanhas eleitorais.
Segundo a investigação, o dinheiro foi desviado das obras da Arena Fonte Nova, estádio construído em Salvador para a Copa do Mundo de 2014.
Em nota, a PF disse que o inquérito aberto apura fraude a licitações, superfaturamento, desvio de verbas públicas, corrupção e lavagem de dinheiro.
Wagner, que governou o Estado entre 2007 e 2014, foi alvo, ontem, de mandado de busca e apreensão na Operação Cartão Vermelho.
A investigação apura irregularidades na contratação dos serviços de demolição, reconstrução e gestão do estádio.
Em entrevista coletiva, o petista afirmou que nunca recebeu pagamentos indevidos em toda a sua vida pública.