Rádio Difusora

(45) 9-9841-0044
04/07/2017 19:22 | Autor: Editor

Pesquisa aponta que consumidor paranaense é o mais endividado do Brasil

Com base na Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor divulgada ontem pela Confederação Nacional do Comércio, o percentual de endividados no Paraná no mês de junho atingiu 88,7%, a maior parte atribuído às famílias com maior poder aquisitivo.

A maior parte é atribuído as famílias com maior poder aquisitivo

Trata-se da terceira alta mensal consecutiva e, se comparar com a média nacional, que ficou em 56,4%, a média paranaense é 32,3% superior.
Dados fornecidos pela Fecomércio mostram o Paraná na primeira colocação em consumidores endividados, na frente de Santa Catarina, Roraima, Rio Grande do Norte e Distrito Federal.
A coordenadora de Pesquisas da Fecomércio, Priscila Moraes de Andrade, disse que o índice vem crescendo desde março.
Ela cita que o recorde histórico de famílias endividadas no Paraná foi estabelecido em agosto de 2013, com 93,5% das famílias paranaenses.
O endividamento é de 90,4% entre as famílias com uma renda superior, contra 88,3% envolvendo as classes C, D e E.
No Brasil, são 61 milhões de inadimplentes, por conta da recessão econômica aliada às taxas de desemprego.
A média nacional de endividamento ficou em 56,4%.
Ainda em relação ao Paraná, outro número preocupante é das pessoas que não conseguirão pagar seus compromissos financeiros, passando de 9,1% em maio para 10,7% em junho.
Em 2016, esse cenário era bem pior, com as contas em atraso atingindo 30% dos endividados.
Do total, 12,8% não tinha condições de pagar suas dívidas: o percentual de contas em atraso foi de 26,8%, alta de 3,5 pontos.
A dívida mais comum e que eleva os índices em todo o Estado é atrelada ao cartão de crédito, totalizando 73,7% dos endividados.
Logo depois, vem o financiamento, com 9,2%, seguido do financiamento imobiliário, com 6,5%, carnês, com 4,8%, crédito pessoal, com 2%, empréstimo consignado, com 1,9% e cheque especial, correspondendo a 1,1%.