Rádio Difusora

(45) 9-9841-0044
11/02/2017 09:18 | Autor: Regis Guerreiro

Plantio do milho safrinha exige boas práticas de manejo para garantir rentabilidade

A segunda safra de milho no Paraná supera a área plantada de milho verão. Hoje, o safrinha ocupa 2 milhões e 300 mil hectares contra 500 mil do milho de primeira safra, porem a produtividade da safrinha é menor.
Isso ocorre, segundo os profissionais da agronomia, porque em função da sua fisiologia, o milho de segunda safra não consegue exprimir todo o seu potencial produtivo.
Conforme a Federação da Agricultura do Estado do Paraná a produtividade do milho verão gira em torno de 8 mil e 700 quilos por hectare, contra apenas 5.800 do safrinha.
A previsão para a safra deste ano é em torno de 13 milhões e 400 mil toneladas de grãos.
De acordo com dados da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, o produtor terá que obter uma produção de 86 sacas por hectares para pagar os custos operacionais da lavoura, e a estimativa é que a safra possa dar um lucro líquido mínimo de 10 sacas por hectare.
Conforme o engenheiro agronomo da Copagril, Edimar Oswald, adotar boas práticas de manejo pode representar incremento na produtividade e redução do custo de produção, ou seja, um olhar mais atento à qualidade do solo pode fazer a diferença. (ouça Edimar Oswald)